Cronologia dos Ataques do PCC, 2006

O Primeiro Comando da Capital (PCC) iniciou na noite de sexta-feira, 12 de maio de 2006, o maior atentado já realizado contra as forças de segurança do Estado de São Paulo.

Até o dia 13 de maio de 2006, sábado, ocorreram em torno de 63 ataques a delegacias, carros e bases das Polícias Militar, Civil e guarda metropolitana. Nem as bases dos corpos de bombeiros foram poupadas dos ataques. Em torno de 25 membros das forças de segurança do Estado morreram. Morreram também 4 supostos membros do PCC. Os números até hoje são incertos e merecem um melhor escrutínio público. Sabe-se que um cidadão comum foi alvejado. Durante os eventos, 17 suspeitos de participar dos atentados foram presos.

 

Patrícia Santos/Folha Imagem. Rebelião no Carandiru

Segundo o Governador interino à época, Cláudio Lembo (ex-PFL), os ataques eram uma represália dos presos contra a transferência de 765 presos para a penitenciaria 2 de Presidente Bernardes, concebida como de segurança máxima, entre eles o líder do PCC Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola. Conforme as autoridades, as transferências foram autorizadas após a descoberta de um plano de ataque à lideranças políticas do Estado por parte do PCC.

Além dos ataques, os presos comandaram até o dia 14 de maio de 2006 em torno de 24 rebeliões por todo o Estado. Os ataques fizeram com que escolas, unidades hospitalares, comércio, transporte público parassem de funcionar. Incêndios eram observados em vários pontos do Estado.

Uma segunda onda de ataques ocorreu no mês de julho de 2006. Outra onda ocorreu no começo de agosto de 2006. Várias rebeliões e ataques a ônibus e a prédios públicos, em menor intensidade, ainda ocorreram durante o mês de agosto.

Ainda em maio, uma comissão com representantes do Ministério Público e do Legislativofoi formada para cobrar do governo do Estado a lista com os nomes de 109 suspeitos mortos desde o início da onda que contabilizou mais de 299 ataques.

Durante a crise, o Governo de São Paulo rejeitou ajuda do Governo Federal.


Leia o documento completo:
AnexoTamanho
Cronologia dos ataques do pcc 2006310.63 KB