Drauzio Varella encerra trilogia sobre encarceramento com o livro “Prisioneiras”.

PONTE ORG: 25/05/2017

 

Apesar de médico oncologista, pode-se dizer que Drauzio Varella é também um especialista em sistema carcerário. Não fosse assim, não estaria lançando seu terceiro e último livro da série sobre o tema: “Prisioneiras”.

Anteriormente, ele já havia escrito “Estação Carandiru”, publicado em 1999 e que viria a se tornar best-seller e posteriormente filme, onde narra o cotidiano do local por onde trabalhou por 13 anos. Em 2012, publica o livro intitulado “Carcereiros”, dando protagonismo às histórias dos trabalhadores do cárcere, a qual ele compara com um regime semi-aberto ao contrário, vivendo boa parte do dia dentro do presídio e voltando pra casa para descansar.

Já na mais recente obra, Drauzio aborda o dia-a-dia da vida de mulheres que estão em regime fechado na Penitenciária Feminina de São Paulo, que abriga mais de duas mil encarceradas e onde dedica seu tempo e trabalho há onze anos.

 

Leia mais em: https://ponte.org/ser-contra-o-encarceramento-em-massa-nao-e-questao-de-opiniao-e-matematica/